história

Literatura na Era Digital

Recentemente eu fiz um curso online chamado Literature in the Digital Age: from Close Reading to Distant Reading (Literatura na Era Digital: da leitura atenta à leitura distante). Foi um curso muito legal, que eu aprendi bastante e que eu recomendo pra quem gosta de estudar literatura. Como ler é uma das minhas maiores paixões e de quem me acompanha por aqui também, decidi como uma curiosidade, trazer um pouco sobre o que eu aprendi no curso pra cá. Aproveite o texto para conhecer um pouco mais sobre literatura e como estudá-la 💕

Uma coisa que eu gostei bastante do curso foi que tinha bastante discussão. E podemos ver as diferentes visões de cada um. Uma coisa que eu aprendi foi que é difícil os meios digitais substituírem de vez os livros físicos. Os leitores digitais, como o Kindle, são uma forma muito prática de ler livros, porém eles não substituem o apego que muitos leitores têm por edições mais caprichadas.

Benefícios da leitura no mundo digital

Um dos benefícios do mundo digital é facilitar a comunicação entre pessoas diferentes. As leituras coletivas foram um assunto abordado como forma de leitura social, em que as pessoas escolhem um determinado livro e após a leitura dele, discutem o que acharam. Eu acho uma forma bem legal de trocar conhecimentos e experiências e também de conhecer pessoas novas ☺️

Também estudamos sobre formas de leitura para profissionais. E uma que eu achei bem interessante e que depende diretamente de computadores é a leitura distante, que tem como base o uso de dados para achar padrões dentro dos textos.

Prejuízos da leitura no mundo digital

Atualmente na internet praticamos a hiper leitura, pulando de link em link, procurando ler apenas aquilo que nos interessa. Como leitora, eu acho esse movimento natural, uma vez que a internet está lotada de informações e não temos tempo para ler tudo. Mas como jornalista, eu vejo um problema aqui, porque quando lemos somente aquelas matérias que nos interessamos ficamos presos a uma bolha social, que só fala das mesmas coisas. E pior que isso, é quando lemos só os títulos das matérias, porque aí passamos “informação” que pode estar errada.

Outras formas de leitura

Além disso, o professor também mostrou outras formas de leitura mais profissionais, como a leitura atenta (close reading), que leva em conta aspectos gramaticais do texto, procurando oposições e semelhanças entre as construções e as palavras usadas. E a leitura com contexto histórico (historical contexts), que leva em conta quem escreveu a obra, quando, onde e o contexto da época. Eu achei essa a forma mais completa de ler um texto, pois devemos considerar não só como a obra foi escrita, mas como ela é lida. Outra forma que aprendemos foi a leitura superficial (surface reading), que prioriza a análise dos materiais do livro e que a experiência é diferente quando lemos em um Kindle e em um livro de capa dura por exemplo.

Espero que tenha gostado do texto de hoje e se você tiver alguma opinião sobre os assuntos tratados aqui, pode comentar que eu ficarei feliz em conversar com você!

Para quem gosta de leitura digital, o Kindle Unlimited é uma forma bem legal que você pode ler vários livros pagando o preço de 1. Toque aqui para testar gratuitamente por 30 dias!

Até a próxima 👋

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s